quarta-feira, 22 de outubro de 2008

13ª Leva

Saudações a todos que por aqui passam.

Mais uma leva com lindos sambas, dessa vez, algumas surpresas. Após a relação das músicas colocarei algumas observações.

Segura aí:

1 - Adeus Mangueira ( Zé Espinguela ) Disco: Mangueira - Sambas de Terreiro e Outros Sambas ( 1999 ) Canta: Dona Neuma
2 - Hora de chorar ( Mano Décio da Viola e Jorginho Pessanha ) Disco: Autêntico - Jorginho ( Império ) Pessanha _ Canta: Jorginho Pessanha
3 - Meu trabalho ( Alberto Maia e Alvaiade ) Disco: 78RPM Lado B (1947) Gravadora RCA Victor - Canta: Ciro Monteiro
4 - O Borel ( Paulo Emílio ) Canta: eu mesmo
5 - Pimpolho moderno ( Nelson Cavaquinho e Gerson Filho ) - Caridade ( Nelson Cavaquinho e Ermínio do Vale) Canta: Nelson Cavaquinho

Baixe aqui!

Ps1.: Reparem na beleza da interpretação da grande Dona Neuma. Esse é o único disco que eu conheço que tem um registro dela cantando, se alguém souber de outro nos avise por favor.
Essa música será cantada pela primeira vez no sábado, vamos aprender?

Ps2.: " Hora de chorar " também não foi mandada pela Ouvidor.

Ps3.: Alvaiade dispensa comentários. " Meu trabalho " é outra que ainda não cantarolamos.

Ps4.: " O Borel ", não estou certo se o nome é esse, é uma música do grande Paulo Emílio, parceiro de Aldir e boêmio profissional, que aprendi aqui na Muda, meu bairro e dos compositores citados. Sempre cantamos ela em nossas rodas, e vez ou outra alguém me pede pra mandar a gravação, mas não existe gravação dessa música. Então resolvi fazer uma bem simples, aqui em casa mesmo, pra rapaziada aprender.
Outro fato, é que muita gente conhece essa música de ouvir em butiquim, sendo assim, cada um canta de uma forma. Desculpem-me os tijucanos de plantão se eu tiver cantado algum trecho de outra maneira. Alô, Felipinho, Simas, Basile, Montauri, Pavão, Tonhão, Moa... qualquer informação sobre a canção me passem.
Por último, em respeito ao grande boêmio da Muda, fui obrigado a cantar o time do meu cumpadre Pedro Paulo Malta, que também adora cantá-la por aí.

Ps5.: A música "Pimpolho moderno" foi gravada informalmente em uma bebedeira qualquer do Nelson. Sempre nos pedem a gravação dessa música, mas apesar dela ter sido gravada pelo João Nogueira, só tenho essa aí, que foi gentilmente cedida por nossa grande Cristina Buarque. Depois dela, ele ainda nos presenteia com a lindíssima " Caridade ".

Sábado estamos na área, mais um dia de muito samba, cana e alegria. Meu cumpadre Allan já está na área e disse que esse sábado vai ficar mais próximo de nós, já que no último ele só quis saber do Júnior de Oliveira.

Abraços a todos!

10 comentários:

Anônimo disse...

Melhor coisa que voces fizeram foi tirar aquela barra de comentário... só dava zé ruela lá!

Ceará!!! disse...

Outra gravação:

Dona Neuma, além desta gravação , canta também na faixa " Brasil Terra adorada " de Cartola, Carlos Cachaça e Arthurzinho do disco CARTOLA ENTRE AMIGOS ( 1984)- Funarte .

Ceará!!!

Ceará!!! disse...

Outra coisa....tem que cantar mais ALVAIADE nisso aí, tá ficando com o repertório viciado esse samba ...rs.


Ceará!!!

Qual delas? disse...

Gabriel,

Maravilha. Só coisa boa!

À propósito, duas informações:
1) postei no www.qualdelas.blogspot.com, duas outras gravações desse ótimo "Hora de chorar";

2) na gravação do "Pimpolho moderno" o Nelson no final canta o "Caridade".

Abraços,

Gabriel da Muda disse...

Bem lembrado Ceará, tinha me esquecido dessa aí.

Salvador, valeu mesmo, estou sempre entrando no Qual Delas?.

Quanto a música do Nelson, já corrigi lá, pura desatenção. rsrs

Obrigado mesmo, apareça sempre.

Abraços!

Fernando disse...

Dona Neuma também canta "Linda demanda" de Saturnino Gonçalves.

"Linda demanda
Existe no samba
É a nossa luta sem rancor
Mangueira, Oswaldo Cruz e Estácio
Amizade que estreita os laços
Por amor..."

Não sei em qual disco consta. Alguém sabe se esse samba tem segunda parte?

Perdão pelas eventuais batatadas. Abraço a todos os ouvidores e até sábado!

Gabriel da Muda disse...

Opa Fernando, essa gravação está nesse mesmo CD de "Sambas de Terreiro e outros sambas".

Na gravação, o Cartola começa cantando informalmente e depois entra a Dona Neuma numa gravação mais arrumada. E pelo menos nessa versão não tem segunda parte.

Se quiser, me mande teu email que eu te mando ele.

Abração!

Monica Araujo disse...

Gabriel ,

Eu tenho esta pérola de disco e escuto quase todos os dias ... tudo de bom.

Um abraço grande.

Pedro Paulo Malta disse...

Salve, Gabriel.

Grande referência ao Glorioso, especialmente acompanhado daquele "meu", hehehe. Adoro este samba.

Grande abraço,
PP

Gabriel da Muda disse...

Pois é PP, até o jamelão cantou que era Flamengo de fato. Pensei, pensei e resolvi superar isso.

Vê se apareça.

Abração!

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails